Campeonato Brasileiro 2008

I Open Amazonas de Judô


Notícias da imprensa e de outros sites
Open Amazonas de Judô
31/05/2007
Os judocas de todo o Estado Amazonas estão prontos para o I Open Amazonas de Judô, que pretende reunir atletas do interior do Estado e da capital. O evento vai ser realizado no dia 2 de junho, a partir das 8h30, no ginásio Poliesporivo. Uma novidade será o Festival Mirim (de 4 a 8 anos), com direito a premiação para os vencedores.

Estão previstos mais de 500 judocas, incluindo atletas dos municípios de Balbina, Itacoatiara, Manacapuru e São Gabriel da Cachoeira. Segundo o presidente da Federação de Judô do Amazonas (Fejama), Raimundo Fortunato Jr., a expectativa é grande, pois a cada campeonato realizado cresce a quantidade de competidores. “Em Manaus o nível do judô melhorou muito, temos várias academias especializadas, conseqüentemente o número de judocas aumentou. Outro dado importante são os atletas do interior que vêm para a cidade para disputar, deixando o torneio mais acirrado e competitivo”, destacou Fortunato.  

As inscrições foram encerradas no dia 30 de maio, o Congresso Técnico será hoje, às 19h, na sede da Fejama, ao lado do Estádio Vivaldo Lima. Segundo Fortunato, os técnicos e alguns atletas devem comparecer ao congresso, pois é onde todos os dados são repassados ao público, justamente para não haver qualquer tipo de confusão durante a competição.  

As classes participantes do evento serão: festival infantil (de 4 a 8 anos), infantil (9 e 10 anos), infanto-juvenil (11 e 12 anos), pré-juvenil (13 e 14 anos), juvenil (15 e 16 anos), júnior (15 a 19 anos) e Sênior (a partir de 15 anos). A classe sênior haverá divisão entre graduados e iniciantes (masculino: até faixa laranja e feminino até faixa amarela).

Nomes renomados do judô já confirmaram presença, como Tasso Alves (categoria leve), Daniel Santos (categoria ligeiro-foto), Raira Neves (categoria meio leve) e Angélica Angelim (ligeiro). As lutas de fato começam às 10h30. O I Open de Judô é uma realização da Fejama em parceria com a Rede Amazônica de Televisão.

Para o judoca Daniel Santos, esta competição é uma oportunidade para testar seu desempenho, pois a partir do mês que vem começa o Campeonato Brasileiro. “Em nossa cidade há competidores bons, mas em se tratando de torneios que envolvem judocas do Brasil inteiro, é preciso treinar muito mais e é isso que estou fazendo”, finalizou.
PATROCÍNIO OFICIAL
Samel

AGENDA DE EVENTOS

ENTREVISTA
    Nenhum artigo encontrado.